Ariquemes: Transplante capilar tem método inovador sendo aplicado

transplante-capilarA calvície é um problema que acomete homens e mulheres de diferentes idades. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), nos homens, em que a incidência é maior, a perda de cabelo atinge cerca de 50%. Além do uso de produtos, o transplante capilar é uma opção para ter o tão sonhado cabelo de volta. Vários fatores podem desencadear a calvície, desde genéticos até a gravidez, passando por falta de nutrientes na alimentação, alterações na tireoide e doenças autoimunes. A calvície mais comum é conhecida como alopécia androgênica, que possui origem hormonal e genética, sendo apresentada em 97% dos casos. A testosterona, hormônio sexual masculino, é a maior responsável pela queda do cabelo. Embora as mulheres também a produzam, nelas a quantidade é muito menor. É normal caírem até 100 fios de cabelo por dia. O Grupo Master Plástica, com bases em Ariquemes e Porto Velho, atua há mais de uma década na área de procedimentos cirúrgicos estéticos, com o objetivo de aprimorar a saúde e a beleza dos pacientes.

Os doutores Paulo Miranda e Orestes Polo são os responsáveis pelo procedimento de transplante capilar. O método, chamado F.U.E. (Follicular Unit Extration), ou extração de unidades foliculares, é um avançado método de transplante de cabelo, minimamente invasivo, que permite a coleta de unidades foliculares individuais da área doadora do próprio paciente e posteriormente a incisão desses folículos na área desejada. O procedimento não requer o uso de bisturi, sem deixar cicatrizes lineares no local. O método dura de seis a oito horas e pode transplantar até 5 mil fios por sessão. O F.U.E. está no Brasil há seis anos. As exigências básicas para se realizar o procedimento é que o paciente tenha ainda um pouco de cabelo.

Com a retirada deste cabelo e realizado o transplante, a haste do cabelo transplantado cai em 30 dias, porém o folículo capilar – que será a base do cabelo que vai crescer – permanece. Após três meses, o cabelo crescerá 1 cm por mês. O procedimento terá visibilidade definitiva após um ano.

“Trabalhar com cirurgia é apaixonante. Com o transplante capilar é ainda mais, já que o trabalho realizado é como uma manufatura: fio por fio é possível realizar o sonho de muitos homens e mulheres”, comenta Paulo Miranda.

Tecnologia proporciona o mínimo de desconforto

A técnica apresenta vantagens como mais cabelo com aspecto natural, tecnologia com procedimento menos invasivo, o mínimo de desconforto possível, ausência de cicatrizes inestéticas e dolorosas, menor tempo de recuperação e a possibilidade de realizar o procedimento em outras áreas do corpo, como sobrancelhas, barba e tórax. Em Ariquemes, o Grupo Master Plástica atende na avenida Jamari, nº 3140. O telefone para contato é o (69) 3535-3600. Na cidade de Porto Velho, o grupo atende na avenida Carlos Gomes, nº 2746. O telefone para contato é o (69) 3211-8500.

Fonte: Diário da Amazônia

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA