Campanha SOS.RO socorre comunidades ribeirinhas

As comunidades ribeirinhas de Cavalcante, Tucunaré, Terra Caída, Agrovila Rio Verde e Reserva Extrativista Lago do Cuniã foram contempladas com as cestas básicas arrecadas pela Campanha “SOS.RO: juntos, somos mais fortes”. Em parceria com Secretaria Municipal de Meio Ambiente, Instituto Chico Mendes de Biodiversidade (ICMBio), empresa Boto Rosa, os representantes e líderes das comunidades, a distribuição dos alimentos foi realizada em duas etapas: via terrestre e fluvial. A logística empregada na distribuição pelo Baixo Madeira contou com a disponibilização de caminhão e várias voadeiras para evitar aglomerações na hora da entrega das cestas.

Para algumas comunidades as entregas foram realizadas por via terrestre até a boca do Rio Jamari com o Rio Madeira, onde seguiram de voadeiras para as comunidades contempladas – atendendo, inclusive, distritos com distância superior à 100 km do centro urbano de Porto Velho por via fluvial. Ao todo foram distribuídas mais de 300 cestas básicas, a Organização Raiz Nativa assumiu o importante papel na identificação das famílias mais necessitadas por mantimentos e em situação de extrema vulnerabilidade socioeconômica em decorrência da pandemia do novo coronavírus (COVID-19).

Para o presidente da Organização Raiz Nativa, Elias Alves Lacerda, “neste momento onde as pessoas são conclamadas a ficarem em casa, muitas delas não tem renda fixa para seu sustento. As cestas básicas estão amenizando o sofrimento de muitas famílias, que neste momento onde a população está sofrendo essa ação do S.O.S., está tendo uma grande abrangência principalmente nessas comunidades, onde o rendimento financeiro teve uma queda brusca. Muitos não estão tendo o mínimo necessário para o seu sustento”, afirma.

A Organização Raiz Nativa (ORN) é uma entidade sem fins lucrativos e de caráter socioambiental. Fundada em 2008, a instituição se inspira nos ideais que se referem à gestão de programa de promoção humana, preservação e soluções de problemas ambientais com responsabilidade social e desenvolvimento sustentável. Nestes 12 anos de existência, a Raiz Nativa desenvolve projetos com assentados, reassentados e população ribeirinhas, sobretudo as famílias que vivem nas comunidades do Joana D’Arc I e II, reassentamento São Domingos e Riacho Azul. A ONG promove atividades na área de agroindústria, geração de renda, reflorestamento e qualificação profissional. São projetos que beneficiaram em média 150 moradores diretamente e outros 750 moradores de forma indireta.

O SOS-Rondônia é uma iniciativa de diversos grupos da sociedade civil para impedir uma crise humanitária em consequência do coronavírus no Estado de Rondônia. Em um momento muito grave da história, a solidariedade e o cuidado com o outro é a única forma para o enfrentamento do medo e da desesperança para superar tudo, no sentido de construir um futuro ainda melhor.

Para ajudar na Campanha SOS.RO, o doador deve ficar atento nas formas de colaboração que podem ser feitas por duas opções: a entrega das cestas nos locais de coleta ou ajuda em pecúnia. As doações podem ser entregues na sede social da Associação dos Membros do Ministério Público (AMPRO) que fica localizada na Rua Itália, 2263, Ipase Novo. E ainda no SESC Esplanada situado na Avenida Presidente Dutra, 4175, Olaria. Ou se ainda preferir fazer a doação sem sair de casa, pode realizar depósitos na conta: ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS DO ESTADO DE RONDÔNIA – AMERON, CNPJ: 04.917.407/0001-39, Banco Sicoob (756), Agência: 3325, Conta Corrente: 61.580-3.

 

 

 

 

Fonte: Assessoria de Comunicação – Ameron

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA