Chiquinho da Emater cobra ação do DER a alerta para fechamento de escritório de Empresa de Assistência

Foto: Marcos Figueira-ALE/RO

O deputado Chiquinho da Emater (PSB) discursou na tribuna na manhã desta quarta-feira (4), explicando que a estradas do Cone Sul estão em situação precária. O parlamentar afirmou que a explicação é que a recuperação das rodovias não está no plano de ação do DER.

Segundo ele, o diretor do DER, coronel Meireles, alega ser preciso fazer um termo para que o departamento possa recuperar o asfalto. “O departamento alega que a responsabilidade não é dele, enquanto a prefeitura não tem condições de executar o trabalho”, acrescentou.

De acordo com o deputado, existe uma espécie de jogo, com um empurrando a situação para o outro. “Gosto do coronel Meireles, mas vejo muito planejamento e pouca ação. É como no Espaço Alternativo, em Porto Velho, onde o Estado diz que é da Prefeitura e a Prefeitura diz que é do Estado”, citou Chiquinho da Emater.

Ele reclamou da estrutura da Emater, explicando que a regional de Colorado do Oeste foi fechada e os atendimentos estão sendo realizados no escritório de Vilhena. Conforme o parlamentar, isso está prejudicando produtores de diversos municípios perto de Colorado.

“Quem mantém nosso Estado é a agricultura familiar, o agronegócio. Não podemos permitir que isso continue acontecendo”, acrescentou o deputado.

Chiquinho da Emater responsabilizou o secretário da Agricultura, Evandro Padovani, e avisou que a economia do Estado está sendo prejudicada, pois depende do setor produtivo. “O governador não pode deixar mandando no setor alguém que não conhece a área. Espero que Marcos Rocha não saiba o que está acontecendo e tome as providências cabíveis”, especificou.

Ele lembrou que a Assembleia Legislativa aprovou tudo o que foi encaminhado pelo Executivo, e que o Orçamento ultrapassa os R$ 8 bilhões. Segundo Chiquinho da Emater, não houve nenhum deputado que não ajudasse o Governo.

“Esperamos os investimentos. Quanto já se falou do restaurante da Zona Leste, em Porto Velho, e até agora ele não voltou a funcionar. Se dizia que seria aberto outro na Zona Sul e mais um em Ji-Paraná, e nada. Precisamos que pelo menos do da Zona Leste volte a funcionar, pois é dinheiro público que está sendo usado”, afirmou.

Ele lembrou, também, a época em que o deputado Luizinho Goebel (PV) atuava no DER “e desenvolveu um excelente trabalho no Cone Sul”. Chiquinho da Emater disse que esse tempo precisa voltar.

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA