Com obras concluídas há mais de 6 meses, hospital continua fechado, em RO

hospital.alto.paraisoA obra do Hospital Municipal Osvaldo Cruz de Alto Paraíso (RO) foi concluída há seis meses, mas a população reclama que ainda não pode ser atendida no local. Apesar de pronto, o hospital ainda não foi equipado porque, segundo a prefeitura, está aguardando a liberação de uma emenda parlamentar no valor de R$ 800 mil, para compra dos equipamentos. Enquanto isso, a população é atendida no antigo hospital, e reclama das condições precárias da unidade de saúde.

A dona de casa Maria dos Reis, de 41 anos, levou o filho de seis anos para ser atendido no antigo hospital. Ela conta que o local é insalubre e não tem condições de atender pacientes. “Há muito tempo esse hospital está precário. Não tem ventilação, as paredes estão com infiltração e rachadas, é uma vergonha”, denúncia a dona de cada.

A revolta também é compartilhada por Letícia Soares Pereira, de 23 anos. Ela está grávida de oito meses, do primeiro filho, e como o hospital não tem sala de cirurgia, programou o parto em uma maternidade de Ariquemes (RO), município que fica cerca de 50 quilômetros de Alto Paraíso. “Tive que programar, porque se deixar pra última hora, meu filho pode nascer na estrada, ou ter alguma complicação. Não posso ter ele aqui”, lamentou.

As novas instalações do Hospital Municipal Oswaldo Cruz começaram a ser construídas em 2012, e as obras foram concluídas no início de 2014. Segundo o prefeito do município, Marcos Aparecido Leghi, o prédio foi feito com recursos de uma emenda parlamentar, com contrapartida do município. O valor total da obra custou mais de R$ 1, 3 milhão.

Sem a liberação da emenda parlamentar para a compra dos equipamentos, o prefeito de Alto Paraíso garantiu que em cerca de 60 dias, deve entrar no hospital novo, mas com os equipamentos do hospital velho. “Vou entrar porque sei que não há mais condições de atender pacientes no antigo hospital”, informou o prefeito.

Fonte: G1

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA