Corpo de Bombeiros interdita mercados municipais de Nova Mamoré e Guajará-Mirim, RO

Os mercados municipais de Nova Mamoré (RO) e Guajará-Mirim (RO), cidade distante pouco mais de 330 quilômetros de Porto Velho, estão interditados por conta da falta de equipamentos de segurança contra incêndio e pânico. Há seis meses os feirantes em Guajará-Mirim estão trabalhando em barracas improvisadas.

Há pouco mais de 15 dias o Mercado Municipal de Nova Mamoré foi interditado por não ter projeto contra incêndio e pânico aprovado. Aproximadamente 100 feirantes dependem do local, já que a renda familiar depende da venda de mercadorias. O prédio está recebendo limpeza e manutenção.

De acordo com a prefeitura do município, ainda não há prazo para que as adequações no mercado sejam feitas. O prefeito Claudionor Leme disse ao G1 que eles jã estão fazendo o orçamento para a aquisição de material, já que o espaço também não tem sinalização de emergência.

Em Guajará-Mirim, o mercado está interditado há seis meses, e como consequência os feirantes estão trabalhando nas calçadas e na rua em barracas improvisadas. O prédio foi interditado em novembro de 2018 pelo corpo de bombeiros, por conta de rachaduras, instalação elétrica comprometida e ausência do projeto contra incêndio e pânico.

Segundo o Corpo de Bombeiros, o projeto de prevenção e combate a incêndio e pânico, do mercado municipal, foi aprovado dia 17 de abril e a próxima etapa é a execução do projeto. O G1 procurou o prefeito pra falar sobre o assunto, mas ele não pôde receber a equipe.

Fonte: G1

Deixe o seu comentário