De virada, Genus vence e rebaixa o Guajará

O Genus venceu neste domingo o Guajará por 3 a 2 no estádio Aluízio Ferreira, em Porto Velho, em partida que fechou a nona rodada do Campeonato Rondoniense 2019. O resultado acabou rebaixando o Guajará para a Segunda Divisão do futebol local.

O Guajará abriu o placar com Erick e Thaylan Portugal, mas o Genus marcou com Wellington Imperador e Dadai (autor de dois gols).

Com o resultado, o Genus chegou aos dez pontos e confirmou a terceira colocação no grupo A do Estadual. Já o Guajará ficou com a lanterna com três pontos e foi rebaixado para a Segunda Divisão do Campeonato Rondoniense.

Na próxima rodada, o Genus se despede do Estadual no domingo diante do Rondoniense no estádio Aluízio Ferreira, em Porto Velho.

O Jogo – Após 58 minutos de atraso para a chegada do policiamento, a bola rolou no estádio Aluízio Ferreira. Sem muita motivação para o duelo, o Genus foi presa fácil nos minutos iniciais. Aos cinco minutos, Erick recebeu em velocidade na área e bateu forte para abrir o placar para os visitantes. Três minutos depois, Jefinho fez jogada individual e tocou para Thaylan Portugal, que finalizou para marcar o segundo.

Após o apagão, o Genus passou a criar oportunidades. E, aos 14′, Wellington Imperador recebeu em velocidade e bateu na saída do goleiro Júnior Silva, descontando para o Genus.

Aos 21′, o Guajará teve a grande chance da partida. Jefinho cruzou na área na medida para Diego Noberto, que errou o cabeceio e perdeu grande chance de ampliar o placar. A resposta do Genus foi aos 23 minutos. Wellington Imperador arrisca da entrada da área, a bola desvia em seu marcador e o goleiro Júnior Silva faz grande defesa colocando para escanteio.

Na volta do intervalo, o Genus retornou a campo mais organizado. Logo aos seis minutos, Dadai recebe livre e bate no canto do goleiro Júnior Silva para deixar tudo igual.

Aos 12 minutos, Jefinho deu um carrinho maldoso em Vágner Leonardelli e acabou sendo expulso, deixando o Glorioso com um homem a menos em campo.

Em vantagem numérica, o Aurigrená passou a explorar a velocidade do seu ataque. Aos 20 minutos, Wellington Imperador recebe livre e finaliza, mas o goleiro Júnior Silva volta a salvar o Guajará. Já, aos 44 minutos, Wellington Imperador avança livre pela direita e cruza rasteiro na medida para Dadai, que bate para o fundo das redes garantindo a vitória do Genus.

Ficha Técnica
Genus 3 x 2 Guajará
Local: estádio Aluízio Ferreira (em Porto Velho);
Data: 23/03/2019 (sábado);
Árbitro: Fledes Rodrigues Santos;
Assistentes: Luiz Felipe Rabelo e Francisco Erismar Ferreira; 4º árbitro: Mário Roberto Costa;
Gols: Erick aos 5′, Jefinho aos 8′ e Wellington Imperador aos 14′ do 1º tempo; e Dadai aos 6′ e aos 44′ do 2º tempo;
Cartões amarelos: Dadai, Juninho, Vágner Leonardelli e Zeca (Genus); Diego Noberto, Erick, Giovane Baiano, Geovane Carioca e Robson Manaus (Guajará);
Expulsão: Jefinho (Guajará);
Genus
Douglas Silva; Felipinho, Vágner Leonardelli, Alex e Bruno Santa Rosa; Helder (Amaylon), Bibio, Ramon (Victor José) e Juninho (Zeca); Wellington Imperador e Dadai. Técnico: Tinho Damasceno.
Guajará
Júnior Silva; Jefinho, Matheus Lessa, Diego Noberto e Mael (Kaká); Robson Manaus, Geovane Baiano, Juninho e Marcos Bahia (Giovane Carioca); Thaylan Portugal (Jorge Vitor) e Erick. Técnico: Marilúcio Carvalho, o Panelinha.

Fonte: Futebol do Norte

Deixe o seu comentário