Greve continua e audiência está marcada para sexta-feira, 10

Os trabalhadores do transporte coletivo de Porto Velho continuam com a greve nesta quinta-feira, 09. Mesmo com o Tribunal Regional do Trabalho (TRT) determinando a multa de R$ 200 mil por dia de paralisação e de R$ 20 mil por cada ônibus parado, os grevistas lutam contra a retirada dos 4% do pagamento de reajuste. O movimento grevista iniciou na última quarta-feira, 08.

Segundo informações do presidente do Sitetuperon, Francinei Oliveira, a decisão foi unanime e eles só retornam quando o Consórcio Sim efetuar o pagamento do reajuste e ainda pagar o retroativo. Francinei alega que a pessoa que quiser trabalhar não será impedida.

A vice-presidente do TRT-RO, Socorro Guimarães, estipulou na tarde de quarta-feira, 08, o aumento da multa de R$ 100 mil por dia e R$ 10 mil por cada ônibus parado ao Sitetuperon, caso descumpra determinação de 90% da frota no horário de pico e 70% nos outros horários.

O aumento da multa foi a pedido da Prefeitura da capital. Além disso, foi solicitado o bloqueio das contas do Sitetuperon, mas logo rejeitado pela desembargadora Socorro Guimarães.

Na decisão, a desembargadora determinou uma audiência de conciliação para a próxima sexta-feira, 10, a partir das 14h.

Fonte: Rondoniaovivo

Deixe o seu comentário