Índio é espancado durante assalto em rua de Guajará-Mirim, RO

DelegaciaUm indígena de 26 anos foi agredido durante um assalto na segunda-feira (29), em Guajará-Mirim (RO), município localizado a cerca de 330 quilômetros de Porto Velho. De acordo com a Polícia Militar (PM), o crime aconteceu por volta das 17h30, na Avenida 10 de Abril, no Bairro Serraria. Após as agressões, os assaltantes fugiram com um smartphone da vítima. Ninguém foi preso.

Conforme o boletim de ocorrência, a vítima estava andando de bicicleta com o cunhado, quando foi surpreendida por dois homens não identificados numa motocicleta, com uma arma de fogo calibre 28. Após anunciar o roubo, os criminosos se aproximaram e bateram na vítima, causando uma lesão na orelha esquerda. A dupla poupou o cunhado das agressões.

Os PMs realizaram diligências nas proximidades do local do crime, mas nenhum dos bandidos foi identificado ou preso. O rapaz foi levado à delegacia de Polícia Civil pelos policiais para registrar o boletim de ocorrência.

Ao G1, o vendedor Delcio Oro Nao, contou que chegou a pensar em reagir, mas desistiu por medo de morrer e entregou o objeto aos bandidos. “Eles queriam a carteira, mas como eu estava sem nada no momento, levaram meu smartphone. Começaram a me bater, então pensei em me defender, mas recuei e tive medo de morrer. Talvez se tivesse ido para cima deles, tinha tomado um tiro naquela hora”, relembrou.

O 1º tenente da Polícia Militar, Felipe Fernandes, que é chefe da Divisão Operacional e comandante da Unidade Especializada de Fronteira (Unesfron), recomenda que a vítima não reaja a ação dos criminosos e acione a PM.

“A vida é o bem mais precioso e orientamos que a vítima entregue os bens. As autoridades devem ser acionadas para que as devidas providências sejam tomadas. Alguns cuidados são importantes para evitar esse tipo de crime, como andar sempre acompanhado e por ruas com bastante movimento”, finalizou.

De acordo com a Polícia Civil, agentes do Serviço de Investigação e Captura (Sevic) estão à frente do caso.

Fonte: G1

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA