Móveis no estilo vintage e retrô caem no gosto de consumidores, em RO

moveisÉ notório o quanto o estilo vintage ou retrô vem roubando a cena nas vitrines de lojas de Porto Velho e de todo o Estado de Rondônia. O apelo emocional combinado ao visual colorido e de personalidade, fazem do estilo uma opção a mais na hora de decorar a casa. Na capital, o trabalho com móveis mudou a vida de uma artista plástica que morou fora do país, e que ao voltar ao estado conseguiu se encontrar.

Carlene Camargo é especialista em criação de móveis nestes estilos e conta que há mais de 30 anos trabalha com pintura de móveis antigos, um trabalho que mudou sua vida.

“É a grande realização da minha vida. Foi preciso voltar para Rondônia para adquirir essa energia e voltar a pintar. Eu achava que não ia retornar e de repente tudo fluiu, estou realizada e não sei viver mais sem meu ateliê, nem que seja só pra brincar de casinha. É a minha vida”, disse Carlene.

A artista plástica tem uma parceria com uma loja de móveis e decoração que vende especificamente esse tipo de artigo. De acordo com Carlene, as peças são únicas e diferenciadas. “Eu pego uma peça nova e transformo em antiguidade, esse é meu propósito na parceria. Eu crio, nunca copio. Nos meus cursos eu sempre ensino que não se deve copiar”, explicou.

Um móvel antigo trás consigo uma grande bagagem sentimental. Quem gosta e quer mobiliar a casa precisa estar atento a um ponto muito importante, o espaço. Segundo o arquiteto Allan Rodrigues, para quem não tem espaço existem poucas soluções. “Não tem como negar, é um estilo muito chique, rebuscado, e dependendo do cliente eu coloco como opção. No meu escritório eu utilizo alguns toques, mas a pessoa que não tem muito espaço disponível pode colocar uma decoração que já da um toque vintage, um aparador curto pode ser utilizado”, explica Allan.

Segundo o arquiteto, o vintage é um estilo que praticamente agrada a todos, porque remete a boas lembranças. “O ser humano trabalha com relações sociais, tudo que resgata boas memórias é bem visto e hoje a indústria enxerga essa tendência”, ressalta Allan.

O vintage é um resgate do estilo que vem desde a década de 20 até os anos 60, um grande período, e tudo que foi criado nesta época, hoje está sendo redesenhado pela indústria. “Hoje o estilo moderno é frio, e os artigos retrôs são coisas mais aconchegantes, tem cores vibrantes para atrair a atenção. Porto Velho está muito bem abastecido desse estilo é possível encontrar muitas peças que vão deixar o ambiente mais agradável”, finalizou.

Fonte: G1

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA