Nenhuma empresa se interessou por licitação da Rodoviária de Ariquemes

rodoviariaNenhuma empresa se interessou em participar da licitação para administrar o terminal rodoviário de Ariquemes (RO), a cerca de 200 quilômetros de Porto Velho. O processo aconteceu na última sexta-feira (23). De acordo com a Secretaria Municipal de Trânsito (Semtran), as cláusulas do processo licitatório devem ser reavaliadas pela prefeitura, e alterações serão feitas para que um novo certame seja realizado.

Conforme o secretário da Semtran, Elias Ladi Livi, a rodoviária era administrada por uma empresa terceirizada, mas em dezembro de 2013, o contrato de 15 anos venceu e não foi renovado, e a prefeitura passou ser responsável pelo terminal. No entanto, segundo Livi, o município não tem a intenção de continuar administrando o local. Ele alega o grande fluxo de passageiros, que ultrapassa 20 mil por mês. No entanto, o secretário afirma que a arrecadação mensal da rodoviária é de cerca de R$ 30 mil, e as despesas fixas cerca de R$ 15 mil.

“A rodoviária não dá prejuízo, mas a prefeitura prefere que uma empresa terceirizada administre o terminal”, diz Livi. Para garantir a concessão, a empresa vencedora da licitação deveria de imediato investir no terminal cerca de R$ 3 milhões, com obras de reforma e ampliação, e os serviços teriam que ser concluídos em dois anos.

Segundo o secretário, o valor do investimento inicial e prazo para conclusão da obra, podem ter dificultado o interesse das empresas. Ele destacou ainda que algumas cláusulas contratuais do processo de licitação serão reavaliadas, e que alterações serão feitas, caso necessário, para a realização de um novo certame. “Vamos fazer uma reavaliação, e em seguida lançar uma nova licitação”, finalizou.

Fonte: G1

Deixe o seu comentário