Pluralidade cultural e linguagem são debatidas em ciclo de mesas redondas realizado pela Unir em Porto Velho

bibliotecaAssuntos como ‘a identidade cultural na pós-modernidade’ e ‘o estereótipo, a discriminação e o discurso do colonialismo’ nortearão debates, nesta terça e quarta-feira (28 e 29), durante o II Ciclo de Mesas-Redondas Sobre Pluralidade Cultural e Linguagem, que será promovido em Porto Velho. A iniciativa é do Grupo de Estudos Integrados sobre a Linguagem, Educação e Cultura (GEAL), da Fundação Universidade Federal de Rondônia (Unir).

O evento terá início às 14h desta terça-feira, no auditório da Biblioteca Municipal Francisco Meireles, e, dentre as atrações, terá palestra sobre ‘Direitos Humanos, Mulher e Cultura’, com a ex-ministra da educação e ensino superior de Cabo Verde, Vera Duarte.

Segundo a assessoria do evento, o ciclo de mesas redondas acontece das 14h às 18h e as inscrições, para participação como ouvinte, são gratuitas, podendo ser feitas no local do evento.

As mesas redondas serão apresentadas pelos alunos do mestrado em letras e abordarão temas como identidade cultural na pós-modernidade, estereótipos, discriminação, preconceito linguístico, preconceito na escola, interculturalidade, relevância social da linguística, ensino de Língua Portuguesa, entre outros assuntos.

A palestra com Vera Duarte, segundo a Unir, será no primeiro dia do evento, às 17h. No encerramento, na quarta-feira, terá uma sessão de depoimentos de representantes de diferentes segmentos sociais: indígena, negro, LGBT, surdo, pessoas com deficiência física, emigrantes haitianos e outros.

Serviço

Terça-feira (28)

1ª Mesa: das 14h às 14h40
Tema: ‘A Identidade Cultural na Pós-Modernidade’
Debatedores: Ariane Rosas da Silva, Daniela Mendonça da Silva, Josy de Souza e Laudenice Freitas da Silva.

2ª Mesa: das 14h40 às 15h20
Tema: ‘O Estereótipo, a Discriminação e o Discurso do Colonialismo’.
Debatedores: Elaine Porto Chuillo, Geovânia de S. A. Maciel e Viviane Silva de O. Nolascio.

3ª Mesa: das 15h20 às 16h
Tema: ‘Pode o subalterno falar?’
Debatedores: Humberto Bacic, Layde D. do Nascimento e Maria Vitória L. N. Vieira.

4ª Mesa: das 16h às 16h40
Tema: ‘Diferenças e preconceito na escola’.
Debatedores: Ana Amélia P. F. L. da Silva, Klivy Ferreira dos Reis, Paula de Brito Martins, Poliane Carvalho Castro e Ludimila Navarrete.

Palestra: das 17h às 18h
Tema: ‘Direitos Humanos, Mulher e Cultura’.
Palestrante: Dra Vera Duarte – escritora, juíza, desembargadora, ex-ministra da educação e ensino superior de Cabo Verde e presidente da academia caboverdiana de letras.

Quarta-feira (29)

5ª Mesa: das 14h às 14h40
Tema: ‘Direitos Humanos, Educação e Interculturalidade’.
Debatedores: Ângela F. Gahú da Silva, Delcilene Rubira Fogaça e Eliane Ricarte Rodrigues.

6ª Mesa: das 14h40 às 15h20
Tema: ‘A Relevância Social da Linguística’.
Debatedores: Alan de Souza Prazeres, Andressa Viana da Silva e Iule Vargas.

7ª Mesa: das 15h20 às 16h
Tema: ‘A Língua que Estudamos, a Língua que Falamos’.
Debatedores: Marcela Ximenes S. Sá, Maria de F. M. da Cunha e Taiana Janaina P. Maier.

8ª Mesa: das 16h às 16h40
Tema: ‘Letramentos de reexistência’.
Debatedores: Janaína Kelly Leite Chaves, Joeser Alvares da Silva e Viviane Cristina
Camelo.

Depoimentos: às 17h
Depoimentos de representantes de diferentes segmentos sociais: indígena, negro, LGBT, surdo, pessoas com deficiência física, emigrantes haitianos e outros.

Fonte: G1

Deixe o seu comentário