Polícia investiga uso de armas artesanais em forma de caneta

canetaA Polícia Civil está investigando a fabricação caseira de armas em forma de caneta em Ariquemes (RO), município distante cerca de 200 quilômetros de Porto Velho. No último sábado (7), um jovem de 18 anos foi preso com um artefato. No mês de fevereiro, um torneiro mecânico de 23 anos morreu com um tiro acidental no peito. A bala teria sido disparada por uma arma artesanal.

De acordo com o boletim de ocorrência, o jovem foi encontrado pela Polícia Militar no sábado portando o artefato, com munição calibre 22, na rua Francisco Alves Mendes, bairro Vila do Sossego. Um adolescente de 16 anos também foi apreendido durante a ação. Os dois estavam em uma motocicleta quando foram abordados.

A Polícia Civil agora deve apurar com quem o suspeito teria adquiro a artefato. O delegado Renato Morari afirma que irá investigar relação entre a caneta apreendida com o jovem, com a que foi fabricada pelo torneiro mecânico.

Morte de operário

O torneiro mecânico James Rodrigo Silva Canto, de 23 anos, morreu com um tiro acidental no peito ao testar uma arma de fabricação caseira em forma de caneta. O fato ocorreu no dia 13 de fevereiro em uma tornearia de Ariquemes. O irmão de 19 anos, que socorreu o operário, teria mentido à polícia e disse que dois homens em uma motocicleta teriam cometido o crime, mas depois confessou a verdade à Polícia Civil.

Fonte: G1 RO / 190online

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA