Preço da gasolina cai 1,45% em janeiro de 2019 em Porto Velho

O preço do litro da gasolina comum, nos posto de combustíveis de Porto Velho, teve queda de 1,45% no comparado de janeiro deste ano com dezembro de 2018. Os dados foram divulgados nesta terça-feira (5) pelo Programa de Educação Tutorial (PET), do curso de Ciências Econômicas da Universidade Federal de Rondônia (Unir).

O preço médio da gasolina comum fechou janeiro em R$ 4,27. A diferença de preço de um posto para outro chegou a 24,68% que, em termos monetários, equivale a R$ 0,96 por litro, variando entre R$ 3,89 e R$ 4,85.

O valor mais baixo do litro teve uma variação de – 2,75%, oscilando de R$ 4 em dezembro do ano passado para R$ 3,89 em janeiro de 2019. O preço mais alto do litro da gasolina não teve variação, mantendo-se em R$ 4,85.

Diesel

O litro do diesel também apresentou queda no comparado de janeiro com dezembro do ano passado: 1,14%. Acabou fechando janeiro com preço médio de R$ 3,83.

A diferença no valor do diesel entre os postos de combustíveis chegou a R$ 0,55 por litro, variando entre R$ 3,55 e R$ 4,10. O preço mais baixo do litro de diesel não teve variação, mantendo-se em R$ 3,55.

Já o preço mais alto teve variação de -1,68%, oscilando de R$ 4,17 em dezembro para R$ 4,10 em janeiro.

Etanol

O litro do etanol, que fechou o último mês com preço médio de R$ 3,70, teve um aumento de 0,43% também em comparação a dezembro.

A diferença no preço do etanol entre um posto e outro chegou a 17,96%. Ou seja, R$ 0,61 por litro, variando entre R$ 3,39 e R$ 4,00.

O preço mais baixo do litro de etanol não teve variação, mantendo-se em R$ 3,39. Já o mais alto também não sofreu queda nem alta e se manteve em R$ 4.

Custo-benefício

O cálculo de custo-benefício entre os combustíveis demonstra que, pelos preços médios, o valor do etanol corresponde a 87% do preço da gasolina comum.

Neste caso, o uso do etanol não é recomendado, a não ser que o custo-benefício seja abaixo de 70%. Levando em conta que o preço médio da gasolina comum é de R$ 4,27, o valor do álcool deveria ser de, no máximo, R$ 2,99.

Fonte: G1

Deixe o seu comentário