Professor viaja 560 km para fazer Enem e acompanhar alunos, em RO

professorPor não ter nenhum local de prova na cidade de Chupinguaia (RO), o professor de educação física e matemática, Diogo Mariano, percorreu aproximadamente 600 quilômetros entre o sábado (8) e domingo (9) para fazer e acompanhar os alunos o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), em Vilhena (RO), que é o município mais próximo. “São 140 quilômetros de ida e 140 de volta que precisei fazer de ônibus. Como fiz isso em dois dias, ao todo andarei mais de 500 quilômetros para fazer a prova”, explica.

Mesmo já tendo curso de ensino superior, Diogo diz que está fazendo o Enem para testar os conhecimentos e também ajudar na preparação dos alunos.

Neste ano o professor preparou 26 alunos onde trabalha, na Escola Estadual Moacyr Caramello, para fazer o exame. “Estamos nos preparando há mais de quatro meses para este momento. Nesse período, elaborei dois simulados para eles e um vestibular. A garotada está bem preparada”, explica. Os 26 alunos também viajaram até Vilhena para o Enem.

De acordo com o educador, que completa 25 anos neste domingo (9), o trabalho de preparação de alunos já é feito há quatro anos. “Eu faço o Enem para ter uma ideia do que caiu e também me preparar para o próximo ano, a fim de auxiliar na preparação dos novos estudantes”, afirma.

De presente de aniversário, Diogo espera se sair bem no exame, mesmo com o cansaço da viagem que ao todo chegará a 560 quilômetros.

Em Rondônia, 105.294 pessoas estão cadastradas para fazer a prova, o que representa 1,21% dos cerca de 8,7 milhões inscritos em todo o país. Em relação a 2013, o número de inscritos no estado cresceu 26,69%.

Neste domingo (9), o candidatos realizam avaliações de linguagens e códigos (45 questões), matemática (45 questões) e redação. ciências humanas (45 questões) e ciências da natureza (45 questões). No sábado (8), as provas foram de ciências humanas (45 questões) e ciências da natureza (45 questões).

Fonte: G1

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA