Tema da redação surpreende e agrada estudantes do Enem em RO

enemO tema da redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) surpreendeu muitos dos candidatos em Rondônia, neste domingo (5). Eles tiveram de fazer um texto dissertativo sobre os “Desafios para a formação educacional de surdos no Brasil”.

Adriano Santana, de 27 anos, foi um dos primeiros a deixar a sala da escola em que fazia prova em Cacoal (RO). “Esperava que seria alguma coisa ligado aos direitos humanos. Confesso que tive bastante dificuldade para desenvolver o texto”, aponta.

Evelyn Barbosa, de Porto Velho, fez a prova do Enem pela terceira vez. “Eu vim preparada para Olimpíadas, política e até Copa. Eu não imaginava que cairia algo sobre educação de surdos na redação. A minha sorte é que eu estudo libras na faculdade e isso já ajudou bastante”, disse a jovem de 22 anos.

Lucas Rosendo, mestrando em biologia experimental, presta Enem para fazer medicina. “A prova está mais simples. Me surpreendi com o tema da redação, mas estou confiante para o próximo domingo. Vou aproveitar a semana para sanar algumas dúvidas”, declara.

enem1Facilidade

Eliel Oliveira Pereira, de 22 anos, também fez a prova em Cacoal. De acordo com ele, a redação foi a parte que teve menos dificuldades.

“Para muitos, esse tema assustou bastante, mas para mim foi tranquilo, pois sempre acompanho as questões ligadas à inclusão. Penso que os organizadores do exame acertaram ao colocar o tema em discussão”, diz o jovem que tenta uma vaga para direito.

Caroline Vitória, de 16 anos, mora em Vilhena e achou a prova fácil, até mesmo a redação. “Estudei, nos últimos cinco dias, somente possíveis temas de dissertação. Então, estava preparada”, declarou.

enem2Josiane Lupienes Kapis, 17, saiu do sítio para fazer a prova na zona urbana de Ji-Paraná (RO) e gostou muito do tema da redação. Ela sonha em fazer medicina veterinária, mas, caso não consiga pontuação suficiente, vai tentar educação física.

“Eu adorei o tema. Consegui fazer bem a redação”, afirma

Pedro Solano Monteiro, de 19 anos, mora em Ji-Paraná, mas fez a prova em Cacoal. “Quando fiz a inscrição morava em Cacoal, com isso, tive que voltar a cidade só para fazer o Enem”, explica acrescentando que achou o tema da redação interessante.

Fonte: G1

Deixe o seu comentário