Três paralímpicos de Rondônia são pré-credenciados aos Jogos no Rio

atletas Muito orgulho e de uma vez só são três atletas paralímpicos da ONG: Rondônia Clube Paralímpico que são pré-credenciados para participarem dos JOGOS PARALÍMPICOS DO RIO/2016 que acontecerá na Cidade do Rio de Janeiro em setembro deste.

Todos os atletas que foram pré-credenciados sairão da base dos projetos sociais do esporte paralímpico que a entidade desenvolve no município e no estado de Rondônia.

Quem são eles:

Allisson da Silva Pomechinski, 26 anos, radicado no município de Rolim de Moura/RO, competem na Modalidade de Atletismo e disputa nas provas de 100, 200 e 400 metros rasos na Classe T36 (classe destinada a atletas com paralisia cerebral). Allisson está na segunda posição do ranking nacional na prova de 400 metros rasos na sua classe;

Kesley Josué Pereira Teodoro, 20 anos, radicado no município de Porto Velho/RO, competem na Modalidade de Atletismo e disputa nas provas de 100 e 200 metros rasos na Classe T13 (classe destinada a atletas com baixa visão). Kesley está na 2ª posição do ranking nacional na prova de 100 e 200 metros e no ranking internacional já aparece na 5ª posição nos 100 e 200 rasos na sua classe;

Mateus Evangelista Cardoso: Atleta radicado no município de Porto Velho/RO, devido está convocado oficialmente para defender o Brasil nos Jogos Paralímpicos do RIO/2016, está morando em São Caetano do Sul, onde treinar com a Seleção Brasileira Paralímpica de Atletismo, Mateus, disputa as provas de 100, 200 e Salto em Distância da Modalidade de Atletismo na Classe T37 (classe destinada a atletas com paralisia cerebral). Atualmente ele está na 1ª posição do ranking nacional nas provas de 100, 200 e no Salto em Distância. No ranking internacional, Mateus está nas três primeiras posições em sua classe.

Outro atleta que pertenceu a ONG RCP e também está pré-credenciado para participar dos JOGOS PARALÍMPICOS é Edson Cavalcante Pinheiro que é radicado em Porto Velho/RO, Edson é Mateus são da Seleção Paralímpica de Atletismo do Brasil. Edson compete nas provas de 100, 200 e 400 metros rasos e é atualmente o líder do ranking nacional e figura como Mateus nas três primeiras posições do ranking internacional na sua classe T38 (classe destinada a atletas com paralisia cerebral).

Fonte: Assessoria

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA