UNIR reserva vagas para indígenas ingressarem na instituição por recomendação do MPF

unirA Universidade Federal de Rondônia (Unir) alterou edital para ingresso de indígenas em cursos superiores da Instituição em atendimento a recomendação expedida pelo Ministério Público Federal (MPF) em Rondônia, em meados de 2014. Indígenas podem se inscrever até 21 de janeiro, no portal da Unir, e concorrer tanto na modalidade de ampla concorrência quanto na de cotas, de acordo com a Lei Federal nº 12.711, de 2012.

De acordo com o MPF, quase nenhum indígena ingressou na Unir nos últimos dois vestibulares, pois eles disputavam as vagas reservadas para minorias étnico-raciais com os candidatos pardos, mais numerosos e com menor nível de exclusão social. Para o MPF, a recomendação pode reverter o quadro atual e contribuir para que mais indígenas possam participar da política de ação afirmativa.

Vagas

Na recomendação, o MPF pediu que sejam preenchidas primeiramente as vagas com ampla concorrência, inclusive por estudantes que se inscreveram no sistema de vagas reservadas, para, somente após esgotadas as vagas do sistema geral, passar ao preenchimento das vagas reservadas. Com o novo edital, são reservadas vagas especificamente para cada grupo étnico-racial. Dessa forma, cada candidato concorrerá com os demais candidatos do mesmo grupo.

Fonte: Assessoria

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA