Ao invés de deixar acabar, carro oficial em desuso deve ser doado à entidade filantrópicas, indica presidente da Assembleia

PORTO VELHO – Algumas entidades filantrópicas sérias deixam de realizar trabalhos, às vezes, por falta de um meio de locomoção, enquanto é normal se vê por aí carros oficiais abandonados em oficinas ou em pátios, sendo deteriorado pelo tempo até não servir para mais nada. Essa situação chamou a atenção do presidente da Assembleia Legislativa de Rondônia, deputado Laerte Gomes (PSDB), que, sensível a esse problema e às dificuldades que entidades assistenciais enfrentam para fazer o bem ao próximo, propõe uma medida racional ao Governo do Estado, para que os dois lados deixem de perder.

O presidente da Assembleia Legislativa, Laerte Gomes (PSDB) indicou ao Governo do Estado a agilização de medidas administrativas e operacionais para que seja providenciada a doação de veículos que estejam aguardando a manutenção ou reparação por um tempo superior a um ano e com mais de cinco anos de utilização.

De acordo com o parlamentar, a propositura visa atender, de forma emergencial, entidades filantrópicas que necessitem de veículos de apoio para suas atividades.

“Esta é uma forma de ajudarmos entidades que não contam com recursos suficientes para atender suas demandas. Sem dúvida, um carro pode ajudar muito nas ações sociais desenvolvidas por essas instituições que tanto contribuem com os interesses e necessidades da comunidade, e sem visar lucro”, ressaltou o presidente.

As doações, segundo a indicação do parlamentar, deverão ser feitas às entidades filantrópicas mediante expedição de cautela.

Foto: Marcos Figueira-Decom-ALE-RO

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA