Covid-19: morre ex-treinador do VEC e atual presidente do Operário Várzea-grandense, Éder Taques

Foto: Divulgação

Éder Roberto Taques, 55 anos, morreu, hoje (19), em um hospital em Cuiabá onde estava internado em Unidade de Terapia Intensiva em decorrência da Covid, há cerca de um mês. Éder é uma das figuras mais conhecidas do futebol mato-grossense e atualmente ocupava a presidência do Operário Várzea-grandense. Diversos times já lamentaram a morte nas redes sociais.

Além de presidente, Taques também já foi treinador do Operário em várias temporadas. Inclusive, começou a carreira no Chicote da Fronteira, ainda nos anos 90. É um dos maiores ídolos da história do CEOV.

Também acumula passagens por diversos times, como União de Rondonópolis, Luverdense, Mixto, Mato Grosso EC, Cacerense, Grêmio Jaciara, Juventude, dentre outros. Em outros estados já passou pelo Democrata (MG), Vilhena (RO), Francana (SP), CENE (MS), Velo Clube (SP), Águas de Lindoia (SP), e outros.

Nas redes sociais, o CEOV divulgou nota, há pouco, lamentando “profundamente”. “Uma grande perda para o futebol Mato-grossense, um grande Operáriano, vai fazer falta. Deixamos nossos mais sinceros sentimentos aos familiares e amigos. Pedimos a Deus que conforte o coração de todos neste momento de dor”.

A Federação Mato-grossense de Futebol decretou luto oficial de três dias e apontou que recebeu “com muita tristeza, a notícia do falecimento do presidente”. Ainda completou externando os sentimentos “de pêsames e força aos amigos, familiares e torcedores do Operário”.

O Luverdense, clube que Éder já treinou, lamentou a morte. “Taques trabalhou no LEC em 2012. O futebol mato-grossense perde uma grande figura. Nossos sentimentos a família e amigos. Descanse em paz professor”.

O União de Rondonópolis também lamentou. “O União Esporte Clube, através de sua diretoria, lamenta profundamente o falecimento do seu ex-treinador, hoje atual presidente do CEOV, Éder Taques. Vítima da Covid-19, Éder era conhecido por todos do futebol mato-grossense como uma excelente pessoa e um grande profissional”. O clube ainda “se consterna com a notícia, desejando muita força aos familiares e amigos neste momento de dor e sofrimento”.

O Sociedade Ação Futebol, clube de Várzea Grande, também publicou nota de pesar, destacando luto no futebol e prestando sentimentos a família e amigos de Taques.

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA