23.8 C
Nova Iorque
sexta-feira, julho 23, 2021

Em Vilhena, empresa contratada para “mandar embora” médicos tradicionais custará mais de 10 milhões ao Município

São mais de 10 milhões de reais que serão pagos para a empresa contratada pelo prefeito Eduardo Japonês para tirar de Vilhena os médicos especialistas e tradicionais, esses dados são extraídos do Pregão eletrônico  Nº   063/2021/PMV – AMPLO, cuja abertura aconteceu em 27/05/2021,  às 09:30:00 hrs.

A notícia caiu como uma bomba não só na cidade de Vilhena, mas também em todo o cone sul de Rondônia e norte do Matogrosso. Ao final como ficarão as grávidas ou mesmo mulheres de idade que estavam acostumados ao atendimento de um simpático Renato Bueno, Diniz, Nilton Ramirez, entre outros renomados médicos especialistas de nossa cidade.

Ainda tem mais, qual seria a vantagem de contratar uma empresa que ganha 4 mil reais por médico de plantão e para o profissional só repassa 2,5 reais. Na entrevista a Folha de Vilhena, a Secretária Municipal de Saúde, não esclareceu, que a empresa ganha mil e quinhentos reais por plantão de cada médico. Outra coisa que ela esqueceu de esclarecer, é que hoje nos consultórios de ginecologia e obstétrica tem três médicos de plantão, mas não se faz nenhuma cirurgia, ou seja, a empresa fatura por dia 12 mil reais dos quais paga 7.5 para os médicos e embolsa de lucros e ganhos 4 mil e quinhentos reais.

Cabe esclarecer, que a empresa ainda controla a urgência e emergência (pronto socorro), com 4 médicos de plantão diário, dos quais paga 10 mil reais e recebe 6 mil reais de lucros, ou seja são   10 mil reais diários que o vilhenense paga para que essas duas seções do Hospital funcionem, menosprezando a capacidade administrativa dos próprios funcionários da secretaria que ali prestam serviço.

Pelas informações colhidas a mesma empresa já está com seus “tentáculos” estendidos até a cidade Cerejeiras, onde irá realizar serviços parecidos com os mesmos ganhos. Conforme médicos tradicionais da cidade, o que vem acontecendo na administração municipal atual, é tapa na cara não só do vilhenense de mãos calejadas que pagam seus impostos em dia, sendo uma afronta à Câmara de Vereadores e ao Próprio Ministério Público.

Autor : Osias Labajos

Notícias relacionadas

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

- anuncio-

Últimas Notícias