Espancamento de detento em presídio de RO é investigado pela polícia

delegacia guajaraA Polícia Civil está investigando o espancamento de um detento por outros dois presos ocorrido na última segunda-feira (28) no Presídio Regional de Guajará-Mirim, que está situado na BR Engenheiro Isaac Bennesby, na zona rural de Nova Mamoré (RO), a mais de 300 quilômetros da capital Porto Velho. O boletim de ocorrência do caso só foi registrado na sexta-feira (1°), quatro dias após as agressões.

O preso agredido fez a denúncia do suposto crime na Delegacia de Polícia Civil acompanhado por agentes penitenciários. Segundo as informações do boletim, a vítima relatou que foi espancado no setor da triagem 1 do Presídio Regional por outros dois presos com empurrões, socos e chutes.

Devido às agressões, o preso sofreu lesões na cabeça, rosto, braços, pernas, tórax e nas costas. O motivo do espancamento não foi divulgado no boletim.

De acordo com o despacho do delegado responsável pelo caso, Iury Brasileiro, um inquérito policial será instaurado para apurar a denúncia de espancamento.

Os presos citados como sendo os autores das agressões serão intimados para prestar depoimento e poderão sofrer sanções administrativas em relação as penas que estão cumprindo atualmente.

Fonte: G1

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA