23.8 C
Nova Iorque
quinta-feira, agosto 5, 2021

Estudante atropelada por moto aquática passa por cirurgia de fixação de coluna, mas segue sem movimentos do corpo em RO

Jovem de 21 anos segue na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital de Base em Porto Velho. Acidente foi no último fim de semana.

Jovem Vanessa Gabriela é transferida para UTI de Porto Velho após acidente com moto aquática — Foto: Facebook/Reprodução

A estudante Vanessa Gabriela, atropelada por uma moto aquática no rio Candeias, foi submetida a uma cirurgia de fixação de coluna em Porto Velho, conforme boletim médico divulgado nesta sexta-feira (16).

Segundo o médico Fernando Máximo, chefe da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), a jovem de 21 anos segue sem os movimentos de membros inferiores e superiores mesmo após ser operada.

“O transoperatório ocorreu dentro da normalidade e seu quadro evoluiu satisfatoriamente bem e está em quadro estável, do ponto de vista clínico, mas permanece sem o movimento e a sensibilidade dos membros inferiores e superiores. Nesse momento não podemos afirmar que isso é temporário ou definitivo”, disse o secretário.

A cirurgia de fixação foi necessária porque Vanessa acabou fraturando a vértebra C-5 (a quinta da coluna cervical) após ser atingida por outra moto aquática.

O secretário de estado não descarta a possibilidade da estudante de direito ser submetida a uma nova cirurgia.

Vanessa Gabriela está internada na UTI do Hospital de Base desde a última terça-feira (13), após ser transferida do Hospital João Paulo II.

Acidente no rio Candeias, relembre aqui.

 

Notícias relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- anuncio-

Últimas Notícias