Famílias atingidas pela cheia do rio Jamari recebem doações em Ariquemes, RO

As famílias de Ariquemes (RO) atingidas pela cheia do rio Jamari começaram a receber, na terça-feira (12), os donativos doados pela população. De acordo com a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (Semdes), 21 famílias do Setor Mutirão foram afetadas pela enchente, que na última semana, atingiu a marca de 12 metros, três metros acima da cota de alerta.

Cinco famílias perderam tudo o que possuíam nas moradias e três delas foram abrigadas em uma escola do bairro. Outras 13 famílias permaneceram nas residências, mas estão em estado de alerta e são frequentemente monitoradas pela Defesa Civil.

Ao todo, 10 pontos oficiais de arrecadação de doações foram distribuídos pelo município. Na terça, a Semdes recolheu as doações para que fossem triados e embalados, e começou a distribuir os kits no período da tarde.

Uma das residências atingidas pela enchente foi a do catador de materiais recicláveis, Amarildo Gonçalves. A casa dele fica sobre palafitas e está a um metro do chão, mas mesmo assim foi invadida pelas águas do rio Jamari.

Amarildo contou que mora há 10 anos no Setor Mutirão, mas que nunca tinha visto uma enchente como a deste ano. O trabalhador lamentou ter perdido tudo o que tinha e que sonha em conseguir uma nova moradia.

“Perdi sofá, geladeira, cama, toda a casa ficou danificada. Eu sou catador de recicláveis e basicamente trabalho só para ter o que comer e tudo se foi. Só tenho a agradecer por todas as ajudas que estão doando, mas meu sonho é conseguir uma casa em um local seguro”, revelou.

As famílias receberam roupas, calçados, cobertores, fraldas descartáveis, cestas básicas e outros itens conforme a necessidade de cada morador. A distribuição contou com o auxílio de voluntários dos bombeiros civis, Polícia Militar (PM) e Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), subseção de Ariquemes.

Segundo a Semdes, uma nova remessa de doações será entregue na próxima sexta-feira (15), onde além dos kits básicos, os móveis arrecadados também serão destinados às famílias.

Reunião para discutir ações às famílias

Na segunda-feira (11), uma reunião de urgência foi realizada na prefeitura de Ariquemes com a presença do prefeito, vice-prefeito, vereadores, secretários e bombeiros para tratarem sobre medidas a serem tomadas pelo Poder Público para auxiliar as famílias atingidas pela cheia e na reconstrução de pontes que caíram na zona rural do município.

No dia 7 de fevereiro, o executivo municipal decretou situação de emergência no Setor Mutirão, por conta dos prejuízos causados pela enchente do rio Jamari aos moradores.

Quase uma semana depois, o nível do rio tem abaixado significadamente, mas o Corpo de Bombeiros faz um alerta sobre o risco de novas alagações para os moradores que resolveram voltar para as residências.

“Há uma previsão de chover até 80 milímetros até sábado (16), que é uma quantidade bem significativa. Os moradores daquela área devem ficar em alerta, caso vejam algum risco eminente da água subir e, que já fiquem em prontidão, para deixarem as casas e irem para um local seguro”, lembrou o tenente dos bombeiros, Geanderson Maia Trindade.

Foto: Prefeitura de Ariquemes

Fonte: G1

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA