quinta-feira, maio 26, 2022

Rondoniense tricampeão de Judô Paralímpico disputa o Mundial Escolar na França

Danilo Silva é deficiente visual é busca pelo ouro na competição

Por Fabiano do CarmoDIÁRIO DA AMAZÔNIA

Danilo Silva é deficiente visual é busca pelo ouro na competição – Foto: Arquivo Pessoal

“Danilo é um ótimo atleta, aqui em Rondônia ele consegue competir com alunos que enxergam. Este ano ele foi campeão estadual lutando com atletas que não possuem nenhuma deficiência”, disse o treinador, José Oliveira.

O Danilo Silva é deficiente visual e tricampeão Nacional de Judô Paralímpico. Ele embarcou nesta quarta-feira (11) com destino a Gymnasiade 2022, o Mundial Escolar na França, que ocorrerá entre os dias 14 a 22 de maio.

O treinador de Danilo, José Oliveira, fala das expectativas para o mundial e como foi a preparação para chegar ao mundial escolar.

“Desde os 12 anos ele não perde um campeonato. Em 2020 ele ficou ausente por conta da pandemia. Mas nos anos anteriores e em 2021 ele foi campeão brasileiro e convocado”, disse José Oliveira.

E para garantir o ouro, os dias de treino foram intensos.

“Ele tem feito um treinamento intensivo, durante a manhã, tarde e noite. Tem treinado mais de 4 horas ao dia para conquistar a medalha de ouro na França”, comenta José Oliveira.

Danilo Silva é deficiente visual é busca pelo ouro na competição – Foto: Arquivo Pessoal

O judoca disse que suou muito durante os meses de preparação.

“Treinei bastante e estou me sentindo na minha melhor forma física. Eu treinava em turnos de duas horas, por isso acredito que vou fazer uma boa luta e chegar até lá”, disse o atleta.

Além disso, Daniel tem muitas expectativas com o ouro, e acredita que a competição vai trazer muitas experiências.

“Minhas expectativas são as melhores possíveis de representar o Brasil, representar Rondônia e trazer o ouro aqui para Porto Velho. O melhor de tudo será ganhar experiência”, finaliza o judoca, Daniel.

Gymnasiade 2022

A Gymnasiade é o maior evento esportivo escolar do planeta. A competição reúne estudantes-atletas de todo o mundo. A Federação Internacional do Desporto Escolar (ISF) é a organizadora da competição.

Neste ano a competição ocorrerá na Normandia, França. 69 países enviaram mais de 3 mil atletas para o evento. Ao todo, o evento terá 20 modalidades para atletas com e sem deficiência.

Reprodução/Redes Sociais


Veja mais+

- Advertisement -

Veja Mais Notícias